sexta-feira, 19 de junho de 2015

Pimenta e a Saúde.

PIMENTAS 
As pimentas são benéficas para o organismo porque possuem atividades antimicrobiana, anti-inflamatória, anticancerígena, melhoram a digestão, diminuem os níveis de colesterol e, por ter efeito termogênico, ou seja, acelerar o metabolismo, ajudam a emagrecer. Mas nem todas as pimentas trazem esta lista de vantagens. Para colher tais benefícios é preciso que a pimenta seja do gênero Capsicum. 

Pimentas ajudam no emagrecimento. 
Esse grupo de pimentas já eram consumidas pelos índios brasileiros e em toda a América Latina antes mesmo da chegada dos europeus no Novo Mundo. Essas pimentas são os tipos mais interessantes para a saúde porque têm como princípio ativo os capsaicinoides. 
As principais pimentas do gênero Capsicum produzidas no Brasil são: jalapeño, pimenta de cheiro, pimenta de bode, cumari-do-Pará, malagueta, dedo-de-moça, murupi, biquinho e cambuci ou chapéu de frade. A quantidade de capsaicinoides de cada uma destas pimentas varia de acordo com a ardência dos frutos, quanto mais picante, maior a quantidade do princípio ativo. 


Confira qual a porcentagem do valor diário* de alguns nutrientes para 10 gramas de pimenta.      
  • 30% da
  • vitamina C na pimenta Murupi
  • 0,59% de cálcio na pimenta Malagueta
  • 1,5% de fósforo na pimenta Malagueta
  • 6,36% das fibras na pimenta Malagueta.
* Valores Diários de referência para adultos com base em uma dieta de 2.000 kcal ou 8.400 kj. Seu valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.
As pimentas do gênero Capsicum são ricas em vitamina C que aumenta as defesas do organismo, ajudando na prevenção e no combate de infecções como a gripe. Ela também age como um antioxidante, neutralizando os radicais livres instáveis que podem causar danos ao organismo e o envelhecimento. Além disso, esta vitamina fornece resistência aos ossos e dentes e facilita a absorção de ferro no organismo. 
Outra vitamina muito presente nestas pimentas é a E. Ela é importante porque também é antioxidante e por isso age retardando o envelhecimento e ainda protege o organismo contra doenças crônicas não transmissíveis como ParkinsonAlzheimercâncer e doenças cardiovasculares
Os carotenoides, o mesmo pigmento vegetal da cenoura, também estão presentes nas pimentas. Eles são bons para o organismo porque se transformam em vitamina A. Assim, o nutriente será interessante para a visão, na integridade dos epitélios (células que revestem o corpo e formam uma barreira contra infecções) e no crescimento e desenvolvimento do esqueleto. O nutriente ainda possui função antioxidante, que combate envelhecimento e câncer, e previne doenças crônicas como catarataartrite e doenças cardiovasculares. 
Apesar de todos estes nutrientes, o principal carro-chefe nutricional das pimentas é terem como princípio ativo os capsaicinoides. Eles são importantes para a saúde porque possuem atividades antimicrobiana, anti-inflamatória, anticancerígena, melhoram a digestão, diminuem os níveis de colesterol e ajudam a emagrecer. 
Quanto mais picante a pimenta maior o teor de capsaicinoides. A ardência do fruto é expressa por uma escala sensorial denominada Scoville Heat Units (SHU) ou Unidades de Calor Scoville. Os seus valores variam de zero para pimentas "doces" até um milhão de SHU para pimentas extremamente picantes.  

Ajudam a emagrecer: A pimenta é um alimento termogênico, capaz de aumentar o gasto
calórico do organismo durante a digestão e o processo metabólico. A substância responsável por isto é a capsaicina que aumenta a taxa metabólica em até 20%. Assim, o consumo de 6 gramas de pimenta queima cerca de 45 calorias. 
Combate o câncer: Um estudo publicado no The Journal of Cancer Research dos Estados Unidos, em 2006, descobriu que a capsaicina induz a apoptose, morte celular programada, em células do câncer de próstata. Assim, ela contribui para evitar a proliferação da doença. 

Alguns estudos, entre eles um publicado na National Academy of Sciences of the United States of America, sugerem que a capsaicina também ajudaria a reduzir o crescimento de tumores nas mamas e ovários. O benefício também ocorreria devido à capacidade da substância de induzir a apoptose das células cancerígenas. 

Além disso, alguns estudos experimentais apontam que o fruto diminui o desejo de ingerir proteínas, carboidratos e gorduras. Isto provavelmente ocorre porque a pimenta aumenta a atividade do sistema nervoso simpático que afeta o comportamento de ingestão alimentar. 
Boa para o coração: Um estudo realizado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul concluiu que a capsaicina presente na pimenta também ajuda a diminuir os níveis do colesterol ruim, LDL. O fruto ainda pode reduzir coágulos no sangue por ter ação vasodilatadora. O resultado é a redução do risco de problemas como hipertensão, infarto e outras doenças cardiovasculares. 

Boa para os dentes: A pimenta estimula a salivação e desta forma neutraliza os ácidos da saliva e protege os dentes e gengivas. Além disso, ela é rica em vitamina C que fornece resistência aos ossos e dentes. 

Protege o estômago: Alguns estudos defendem que a capsaicina presente nas pimentas tem um efeito gastroprotetor, pois aumenta a produção do muco gástrico. Ela também pode combater a bactéria que provoca gastrites e úlceras estomacais. 

Quantidade recomendada de pimenta




Como consumir a pimenta


A melhor maneira de comer a pimenta é fresca. Assim, todos os nutrientes do fruto são mantidos. As versões na forma de molho, de conservas, de geleia, páprica, desidratada e dessecada também são opções, porém parte dos nutrientes, especialmente as vitaminas, podem ser perdidas no processo.
Siga https://www.facebook.com/tibamex no FACEBOOK e no istagram @tibamex para uma comida levemente picante na porta da sua casa! Comida mexicana autentica! 


Contraindicações

Não existem dados científicos que comprovem que a pimenta causa úlceras ou outros distúrbios digestivos. Porém, por precaução o recomendado é que pessoas que já têm úlcera ou gastrite, evitem o consumo em excesso do fruto. Quem tem hemorroidas também deve tomar cuidado com a pimenta, isto porque em grandes quantidades ela pode levar a irritação do endotélio, que constitui a camada celular interna dos vasos sanguíneo, lembrando que o problema resulta de veias inchadas e que ficam doloridas. 

Riscos do consumo excessivo

Apesar de benéfica para a saúde, a pimenta não pode ser consumida de maneira exagerada. Tome cuidado especialmente com os molhos de pimenta que não usam o fruto in natura, mas o extrato ou óleo concentrado feito a partir de pimentas secas e picantes. Estes molhos em grandes quantidades podem causar queimaduras ou bolhas na boca ou na língua, náusea, alteração respiratória e vômito.  
Já foi comprovado que consumo de doses extremamente altas de capsaicinoides pode levar a morte em ratos. Porém, em seres humanos seria preciso consumir em uma única vez cerca de 1,8 litro de molho de pimenta picante para que o indivíduo fique inconsciente. 

Onde encontrar

Os tipos de pimenta e seus produtos, como geleias e molhos, são vendidos na maior parte dos hipermercados, hortifrutis e lojas de produtos naturais.


Fonte : Minha vida 
Até Breve
Jennifer lima 

domingo, 3 de maio de 2015

ALMOÇO DE DOMINGO 
trilha sonora Sugar - Marron 5 

Uma receita fácil para acabar com a dúvida do que comer no domingão! Maminha marinada na cerveja...

 

INGREDIENTES

1kg de Maminha com a gordura
Cerveja  (o suficiente para quase cobrir a carne)
Sal para Churrasco
3 dentes de Alho bem picados
1 Cebola média bem picada
½ colher (sopa) de folhas de Orégano fresco
4 colheres (sopa) de Salsinha bem picada
Pitada de Páprica doce
Pitada de Pimenta calabresa
Pitada de Louro em pó
Pitada de Sal
3 colheres (sopa) de Vinagre de vinho tinto
6 colheres (sopa) de Azeite de Oliva Extra Virgem

MODO DE PREPARO
Maminha:
1. Deixe a maminha de molho na cerveja por aproximadamente 1 hora.
2. Pré-aqueça o forno em temperatura média alta (190° C).
3. Retire a carne da marinada e escorra bem. Espalhe uma camada generosa de Sal para churrasco sobre ela.
4. Coloque a carne diretamente sobre a grelha do forno, com uma assadeira por baixo para recolher o líquido, com a gordura virada para baixo.
5. Vá regando, de vez em quando, a maminha com a cerveja da marinada.
6. Não vire a peça e deixe dourar bem o lado de cima.
7. Quando estiver quase pronta (25 minutos, superfície dourada) vire a carne, tempere com um pouco mais de sal para churrasco, vá regando com o restante da cerveja e deixe dourar completamente. 8. Quando estiver dourada, tire do forno, envolva em papel alumínio e deixe descansar por 10 minutos antes de fatiar.

Molho:
1. Em uma tigela coloque o vinagre e acrescente o Sal, a páprica, a pimenta e o louro.
2. Mexa até dissolver bem.
3. Acrescente as ervas frescas, a cebola e o alho.
4. Acrescente o azeite e bata bem para emulsionar.
5. Sirva com a maminha.

Obs: A cerveja pode ser de qualquer estilo, eu prefiro uma Stout! 

Para acompanhar um purê de batata! E aproveite! 

Até breve 
Jennifer lima! 

quarta-feira, 29 de abril de 2015

CHEF'S TALK 

Uma nova série de seis porções (episódios)!
Um documentário fascinante!

O nosso magnífico e querido "amigo" NETFLIX lançou dia 26 de abril de 2015 estudos de 45 minutos produzido por David Gelb (diretor de Jiro, Dreams of Sushi) e são um must-see para qualquer pessoa interessada nas mentes e nos menus de alguns dos maiores chefs do mundo.
Se você assistir a um a cada semana, ou o documentário todo ao longo de um fim de semana, você vai pessoalmente descobrir exatamente o que é preciso para criar, pratos aclamados pela crítica.



Cada episódio se concentra em um único chef - Ben Shewry (Attica, Melbourne), Niki Nakayama (N / Naki, Los Angeles), Francis Mallmann (El Restaurante Patagonia Sur, Beunos Aires), Dan Barber (Blue Hill Restaurant, New York ), Massimo Bottura (Osteria Francescana, Modena), e Magnus Nilsson (Faviken, Järpen, Suécia).

Corre lá assistir..  Vale a pena! 
Até breve 
Jennifer Lima 

segunda-feira, 27 de abril de 2015

CARBONARA 
                         Trilha sonora John mayer - Something like Olivia (clique aqui)

O tradicional "spaghetti alla carbonara" é feito natas, toucinho, pimenta preta, queijo pecorino, mas vamos facilitar né.. com ingredientes que encontramos em qualquer mercado!! 
Mas antes vamos contar um pouco da historia deste prato, para conhecimento, ou simplesmente por curiosidade!? 

O spaguetti carbonara é um prato conhecido mundialmente por se diferenciar da maioria das massas, em termos de sabor e preparação. Criado na Itália, mas precisamente em Roma, o Spaguetti Carbonara evoluiu após a segunda guerra mundial. A origem do nome do prato até hoje não foi descoberta, e gera sempre discussões, por existir várias lendas.
Carbonara é a palavra para Carvão vegetal em italiano, e os Carbonari eram os trabalhadores nas minas de carvão. Ninguém sabe exatamente o porquê desse nome ao prato, mas especulam que esses trabalhadores das minas foram os primeiros a fazer o spaguetti carbonara. Assim como vários outros pratos e ingredientes, o carbonara também possui várias versões para a sua história, e dificilmente saberemos algum dia, qual é a verdadeira.
Apesar de não termos a história real do prato, o que importa é a beleza deste prato, o sabor e simplicidade! 
VAMOS AO QUE INTERESSA!!! 
Ingredientes: 
  • azeite
  • 3 ovos
  • 1 caixinha de creme de leite
  • 3 dentes de alho picados
  • 1 xícara de bacon em cubos
  • 1 xícara de parmesão ralado (prefira queijo fresco)
  • Sal e pimenta do reino de acordo com seu gosto
Modo de preparo: 
Cozinhe o macarrão em água fervente e levemente salgada
Bata os ovos com o creme de leite e acrescente o queijo parmesão e acrescente a pimenta do reino moída - RESERVE 
Frite o bacon, quando estiver bem frito retire a gordura e frite o alho e a cebola junto
Coloque o macarrão cozido na panela do bacon misture bem e em seguida o creme de ovos batidos e misture bem (os ovos não vai cozinhar e sim engrossar para dar a cremosidade do carbonara ). prove e se precisar acrescente sal.
Sirva com queijo parmesão ralado e salsinha picada. 

Aproveite e até breve!
Jennifer Lima 

terça-feira, 21 de abril de 2015

snack


Comidinha ràpida, fàcil e deliciosa para dias preguiçosos..



INGREDIENTES: porção individual 

2 fatias de peito de peru defumado
1/2 tomate sem semente em cubos pequenos 
3 colheres de maionese Light 
Oregano fresco a gosto (ou desidratado)
Pimenta do reino

E para preparar basta misturar todos os ingredientes e colocar em torrada,  pães etc... 

Até breve 
Jennifer Lima 

SABEDORIA

SABEDORIA - Parte I 
Trilha sonora clique: - People Help the People by Birdy 

Ultimamente tenho pensado em um tema para escrever, um tema interessante e que abranja-se nosso cotidiano de acordo com as mudanças no mundo mas muitos assuntos se embaralhavam em minha cabeça, ficando extramente difícil de formar um texto. E felizmente hoje me lembrei de algo que vai abraçar boa parte do que anda martelando em minha cabeça.

Tudo começou em uma habitual manhã. Assim que abri meus olhos quase que instantaneamente me lembrei do sonho que tive, infelizmente não me recordo de detalhes mas a base do meu sonho (nada convencional) era:- 

                                                              "Havia restado pouco comida no mundo e o preço era relativamente alto pois não se pagava com dinheiro e sim com SABEDORIA."

O que é sabedoria? 
É o dom que nos permite discernir qual o melhor caminho a seguir, a melhor atitude a adotar nos diferentes contextos que a vida nos apresenta.

Dito isso, podemos ir aos fatos (que me assustaram depois que comecei essa pesquisa) sobre a falta de alimento no mundo. 

- O mundo está enfrentando uma crise de fome diferente de tudo que já foi visto em mais de 50 anos.
- Atualmente mais de 925 milhões de pessoas passam  fome.
- Todos os dias, quase 16.000 crianças morrem de causas relacionadas à fome (isso significa uma criança a cada cinco segundos).

De acordo com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a produção de carne gera quase 20% dos gases de feito esfuda - mais do que todos os carros, aviões, trens e navios juntos. Além disso, a engorda de animais ocupa cerca de 80% de todas as áreas agrícolas aproveitáveis do mundo e consome quase um décimo de sua água doce. 

A FAO prevê que o consumo de carne dobrará até 2050 (seremos 9,2 bilhões de terráqueos. A comida será cara e rara como nunca.) - o que não é uma consequência da expansão mundial. O problema é sua crescente prosperidade. Na China, índia e em outros países emergentes, cada vez mais famílias chegam á classe média. Essa ascensão social fez com que muitas pessoas começassem a ingerir alimentos que até pouco tempo não faziam parte de sua dieta, como o consumo de proteínas derivadas da carne. 


Os países ricos não contribuem efetivamente para amenizar essa questão, até por que são eles que estimulam a produção de biocombustíveis, quando se utiliza de culturas como milho, trigo e soja, por exemplo, que além de não serem direcionados ao consumo humano deixam também de abastecer as indústrias de rações que suprem as criações de animais, como suínos, aves entre outros. 
Sem contar o aumento de consumo de frutos do mar, o que está depauperando os mares. Atualmente, os navios pesqueiros do mundo capturam 50 milhões de toneladas de peixes por ano, provocando o colapso de muitas populações e a ruína da indústria pesqueira, porque o mar produz cada vez menos.




Continua... 

Até Breve 
Jennifer Lima 

domingo, 9 de junho de 2013

Chicken or the Egg from KIMWU on Vimeo.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

SASSICAIA 1983
Filme Completo. Clique:- Estomago por Marcos Jorge


Nada melhor do que iniciar o primeiro post sobre comida com a indicação de um filme brasileiro, digo isso  em negrito  pois se alguém me indicar  um filme brasileiro, eu digo:-  humm... Cinema Brasileiro!?... Não, não, obrigada! Mas ESTÔMAGO é um espetáculo de filme com uma boa fotografia e pratos saborosos, desde a  brasileiríssima coxinha até o prato  francês, macarrão á putanesca que  aliás tem bastante ênfase no filme , e como disse Marina Meira - Globo On line: - "Coloque uma pitada de ótimos atores, adicione um roteiro inovador, um punhado de personagens interessantíssimos e diálogos inteligentes. Pronto! Esta aí a receita de ‘Estômago’...”.
Um filme de  baixo orçamento, mostra que não é só com dinheiro que se constrói um bom filme. 

Sinopse e detalhes


Raimundo Nonato (João Miguel) foi para a cidade grande na esperança de ter uma vida melhor. Contratado como faxineiro em um bar, logo ele descobre que possui um talento nato para a cozinha. Com suas coxinhas Raimundo transforma o bar num sucesso. Giovanni (Carlo Briani), o dono de um conhecido restaurante italiano da região, o contrata como assistente de cozinheiro. A cozinha italiana é uma grande descoberta para Raimundo, que passa também a ter uma casa, roupas melhores, relacionamentos sociais e um amor.

CURIOSIDADES: 
Filmagens em Curitiba - PR

Segundo a Gazeta do povo a produção do filme  visitou mais de 100 restaurantes de Curitiba para escolher as locações. O Bar Palácio acabou sendo um dos escolhidos. Mas eles também usufruirão de vários outros endereços da região central de Curitiba. Além do Bar Palácio, teve também o Bar do Catarina, na rua Saldanha Marinho; o Jokers Pub Café, na rua São Francisco; a Rodoferroviária; o Mercado Municipal; o Nightclub Dicas Tropicaliente; o Frigorífico Beef Center; o Hotel Umuarama, na rua Pedro Ivo (e quem diria que até Umuarama apareceria no filme hahaha) e também a Penitenciária do Ahú. 

"Olha, não carece de saber, não.
Se tiver um pouquinho de alho, pimenta, cebola, azeite pra refogar, um pouquinho de queijo ralado e alecrim... 
Com o que tiver, nós dá jeito."

Raimundo Nonato 

Obs: Titulo do post é referente a uma cena do filme em que o dono do restaurante mostra à Raimundo sua adega e nela um Sassicaia 1983, presente do pai que, explica o patrão, será aberto apenas quando ele completar 60 anos. 

Assistam! Vale a Pena! 
Até Breve 
Jennifer Lima 



sábado, 5 de janeiro de 2013

TALKING
Musica para escutar. Clique: - Suspicious Mind by Elvis Presley 


Como estão as suas conversas? 

A qualidade de sua conversa é um indicador da cultura adquirida ao longo de sua vida, é  a janela sobre seu desempenho como ser humano. 

Quem você é, suas emoções, sonhos e idéias se  manifestam através da conversa, mas não qualquer conversa. Na verdade é preciso um bom interlocutor para poder obter uma conversa construtiva onde você possa argumentar e consequentemente aumentar o fluxo da conversa.

Uma conversa construtiva está no coração de cada umCentra-se em um propósito comum e faz a diferença. Uma conversa construtiva criarefina e compartilha conhecimento.

Uma conversa de qualidade:

  • É um diálogo                                               - não é um debate
  • É sobre ouvir e prestar atenção           - não é estar preparando uma resposta
  • É estar aberto                                             - não é sobre fazer julgamentos
  • É sobre conexão                                    não é sobre como controlar

Objetivos de uma conversa: 

  1. O primeiro é puro e simplesmente, pelo prazer de se exprimir e interagir com outras pessoas.
  2. O segundo  está ligado com o conhecer melhor a pessoa que temos à nossa frente. 
  3. O terceiro é o de construir credibilidade.


Conversas construtivas acontecem quando as pessoas se sentem seguras o suficiente para levantar questões normalmente intocáveis​​, desafiando uns dos outros e colaborando na resolução de eventuais problemas.

Trecho da música de hoje: 


We can´t go on together with supucious mind... 
Até Breve 
Jennifer Lima  

quarta-feira, 30 de maio de 2012


GUACAMOLE 
Trilha sonora. Clique:- "Put in on me by Ben Harper"

       Diante de várias pessoas requisitando a receita do "meu" guacamole, resolvi deixar registrado aqui no blog. 
É uma receita fácil e bastante versátil, pode ser servida como aperitivo com tortilhas, doritos ou torradas, mas também pode servir como acompanhamento para pratos á base de carne branca ou vermelha.

RECEITA


INGREDIENTES:
- 3 abacates maduros descascados e levemente amassados
- Suco de 1 limão- 1 colher de chá de sal-  2 cebolas em cubos
- 1 copo de coentro fresco
- 2 tomates-pêra (ou tomates italianos) sem semente em cubos
- 3 colher de chá de alho picado
-  Pimenta malagueta picada ou tabasco (opcional)
MODO DE PREPARO :
- Em uma tigela média, amasse bem os abacates, o suco do limão e o sal.
- Adicione a cebola, o coentro, o tomate e o alho e mexa bem.
- Misture pimenta.
- Sirva imediatamente.
RENDIMENTO
4 porções
TEMPO DE PREPARO 
10 minutos



Dica: Acrescente Cebola roxa picada, e pimentão verde picado, para fica ainda melhor! 



CURIOSIDADE: 

Especificamente hoje dia 29 de maio de 2012, recebi uma mensagem em meu celular de um amigo e nessa mensagem dizia - "Oi pode por favor me mandar por e-mail a receita do "vaca mole"." E eu pensei comigo, será que houve uma inovação na cozinha mexicana que o guacamole agora é feito de "vaca"!? ... Mas  conversei com meu amigo e foi apenas um equivoco mesmo, enfim, para quem não sabe o guacamole é o iguaria típica da culinária mexicana, servida com uma grande variedade de pratos, muitas vezes acompanhada com pico-de-gallo e nata azeda e o nome "guacamole" tem origens indígenas: "Ahuacatl" (abacate) e "mole" é um nome genérico para "molho", embora o verdadeiro mole seja totalmente diferente, levando na sua composição chocolate.



Até Breve 

Jennifer Lima 

POWr Social Media Icons

Ocorreu um erro neste gadget